JOÃOZINHO PODRE E SUA TURMA ESCROTA

untitled-11.jpg

Há exatos 30 anos, os ouvidos do Reino Unido – e pouco depois milhões de ouvidos em todo o mundo – eram literalmente estuprados por um disco chamado “Nevermind the Bollocks”, álbum de estréia de uma banda que atendia pelo nome de Sex Pistols. Embora pairem sobre os Pistols uma série de críticas, como por exemplo a de não passarem de uma mera banda armada por um dono de butiques de roupas londrinas (Malcolm McLaren), com o único objetivo de vender um estilo de moda para os jovens, foram o vocalista Johnny Rotten ( Joãozinho Podre, em tradução livre) e seus companheiros que realmente deram o pontapé inicial na revolução punk que dominaria a cena do rock no final da década de 70. Aqui, algumas das raras apresentações dos Pistols, com a participação do baixista Sid Vicious, morto pouco tempo depois por overdose de heroína e suspeito de ter assassinado a própria namorada, Nancy, sob o efeito de drogas. A curta e desesperada vida do casal deu origem a um filme, Sid and Nancy, que passou no Brasil com o subtítulo “O Amor Mata”. Os Pistols realizaram recentemente um revival, mas ninguém parece ter levado muito a sério.

Com vocês, então, os Sex Pistols. Cuidado com os ouvidos – e com as bolas, é claro!

corvoicone.gif

God Save the Queen

Anarchy in the UK

No Fun

Pretty Vacant

Anúncios

Uma resposta para “JOÃOZINHO PODRE E SUA TURMA ESCROTA

  1. Abaixa esse som aí, porra!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s