Arquivo da categoria: Soul

BO DIDDLEY BO BO

Se alguém disser que Elvis Presley começou o rock’n’roll é porque não conhece Bo Diddley. Fui eu e Chuck Berry que fizemos isso, embora eu tenha feito antes.” Bo Diddley, morto segunda-feira, 2 de junho de 2008, em Archer, na Flórida (EUA), aos 79 anos.

Bo Diddley, apresentado por James Brown

BO DIDDLEY – Put the Rock in the Rock n Roll

Bo Didley TNT show

Anúncios

ERIC QUEM?

ericlindell_5_0084_w360.jpg

Nascido na Califórnia, mas intoxicado pelos fluídos que emanam de New Orleans, Eric Lindell vem deixando muita gente de boca aberta, quando abre a sua para cantar as canções que compõe. Sensação em todos os festivais e casas noturnas em que tem se apresentado, Lindell já gravou dois discos (Change the Weather e Low on Cash, Rich in Love), considerados surpreendentes pela maioria dos entendidos, que apontam o cantor, compositor e guitarrista como herdeiro legítimo de tradições musicais sagradas. É difícil encontrar coisas do rapaz na net, tanto que no Youtube, por exemplo, há apenas esses vídeos toscos que mostramos aqui. Em todo caso, vale como cartão de visitas.

Eric Lindell at Bluesfest 2006

Eric Lindell – Chelsea’s

Eric Lindell & John Lisi

untitled-1.jpg

NEGONA!

highres_sharon3.jpg

– Sharon Jones nasceu em Augusta, Georgia, como o James Brown.

– Coincidência?

– Não.

– E o Marvin Gaye?

– O que é que tem o Marvin Gaye?

– Também nasceu na Georgia?

– Não, mas podia.

– Por quê?

– Porque a Sharon Jones nasceu lá.

– Ah!

– E o Otis Redding?

– Esse não vale, cara!

– Por quê?

– Porque esse também nasceu lá, na Georgia.

– Ah!

Sharon Jones & The Dap-Kings “100 Days, 100 Nights”

Sharon Jones and the Dap-Kings @ Southpaw, January 2005

Sharon Jones and the Dap-Kings – “Let Them Knock” – Live

untitled-1.jpg

BEVERLEY

bevknightvoicepromo2.jpg

Considerada como uma das maiores cantoras de soul e R&B da Grã-Bretanha, Beverley Knight nasceu em 1973 e é apontada como uma das herdeiras diretas de lendas como Sam Cooke e Aretha Franklin.

Beverley Knight – Black Butta (Live on Jools Holland)

Beverley Knight – Piece Of My Heart

o_corvo2.jpg

SHEMEKIA

shemkea-copeland.jpg

Shemekia Copeland, nascida no Harlem, em abril de 1979, filha do guitarrista Johnny Copeland, misto de Etta James e Aretha Franklin. Praticamente desconhecida no Brasil, muito respeitada nos EUA e Europa.

Shemekia Copeland – Who Stole My Radio?

B.B. King & Shemekia Copeland – Everyday I Have The Blues

o_corvo2.jpg

DOIS NEGÕES DA PESADA

 

De repente, passeando pelos youtubes da vida, esbarramos com dois negões da pesada dos quais pouco ounada se fala hoje em dia. Marvin Gaye está sumido por motivos óbvios, pois já morreu. Quanto a Richie Havens, após a “explosão” de sua apresentação em Wookdstock, ele sempre preferiu desenvolver sua carreira à margem da mainstream. Os dois, porém, não devem nem podem ser esquecidos, pelo menos é o que los Lobos Bobos acham. Por isso, os dois estão aqui!

 

Marvin Gaye – What’s Going On 1974

Marvin Gaye – Let’s Get It On live in Montreux 1980

Trouble Man by Marvin Gaye

Richie Havens Woodstock Excellent

RICHIE HAVENS – Here Comes The Sun (1971)

Richie Havens – Just Like a Woman (Live)

 

SOM NA CAIXA, PORRA!

timok.jpg

Quando Caetano e Gil “descobriram” os Mutantes, no início do Tropicalismo, a mídia começou a querer saber o que eles achavam de tudo e de todos. E, em determinada entrevista, os três então adolescentes paulistanos disseram que não gostavam de nenhum cantor brasileiro, nem mesmo de Roberto Carlos, um ídolo para os tropicalistas. Havia, porém, uma exceção, um tal de Tim Maia, no qual pouca gente prestava atenção, embora algumas de suas músicas já começassem a tocar com relativa freqüência em algumas rádios.

Na verdade, Tim havia começado a cantar, tocar e compor com o próprio Roberto, com Erasmo Carlos e Jorge Ben, no tempo em que eles pertenciam à turma da Tijuca, no Rio de Janeiro. Tim, contudo, resolveu tentar a sorte nos EUA, onde fez de tudo um pouco, inclusive tocar com músicos locais, mas acabou sendo preso e deportado.

Quando chegou aqui de novo, Roberto e Erasmo já tinham embarcado no sucesso da Jovem Guarda e Tim não se enquadrava em nenhum dos modelos então em voga, já que o negócio dele era soul e funk, duas coisas das quais muito pouco gente sabia se tratar por aqui e muito menos gente ainda gostava. Por isso, o cantor e compositor ficou no limbo durante um bom tempo, até que , Gerson King Combo, a Banda Black Rio e outros outros músicos, na maioria cariocas, começaram a abrir caminho para o tipo de som do qual Tim era o precursor (e mentor).

Em recente entrevista, o jornalista e escritor Nélson Motta, que está escrevendo um livro sobre Tim, declarou que o cantor e compositor foi a “figura mais livre” que ele conheceu, tendo pagado um alto preço por, quase sempre, fazer exatamente o que queria, inclusive não comparecer aos shows agendados e depois pagar as respectivas multas contratuais. Essas e outras tantas loucuras atribuídas a Tim fizeram, segundo Nélson Motta, com que o folclore em torno do artista de certa forma empanasse um pouco seu enorme talento e a sua grande importância no cenário musical brasileiro.

De qualquer maneira, depois da sua morte (precoce), Tim vem, gradativamente, recebendo o reconhecimento que merece. O Parada quer contribuir um pouquinho com isso. Então, aqui postamos alguns vídeos de Tim, em diversas fases de sua carreira e em divesos tipos de apresentações, das mais – digamos – caretas às mais – digamos – piradas. Em todas elas, contudo, a comprovação de que Tim foi e continua sendo um dos maiores. Devido ao número de vídeos, a página certamente vai demorar um pouquinho mais pra carregar, então nossas desculpas antecipadas, mas é que foi impossível fazer uma selação “racional” do material. Por isso, como dizia o Tim, SOM NA CAIXA, PORRA!

Tim Maia

Tim Maia – Gostava Tanto de Você

Tim Maia Especial – (04) – Você

Tim Maia – Telefone


Programa do Jô – Tim Maia

Tim Maia Especial – (07) – Eu e Você, Você e Eu

Tim Maia – Me dê motivo

Tim Maia-Descobridor Dos Sete Mares

Tim Maia – Essa Tal Felicidade

Tim Maia-Do Leme Ao Pontal

Tim Maia Especial – (10) Sossego

corvo21.jpg